No meu jardim tenho a mais bela e doce das flores... a minha Matilde...
Segunda-feira, 30 de Agosto de 2010

Que neura!

Pequeno desabafo: o pai continua com febre, tantos dias já estão a dar connosco em doidos, ainda por cima sem saber o que é (foi ao hospital há umas horas e por lá continua sem ser atendido)...

Eu passei o dia inteiro à espera das listas de colocações para saber para onde vou este ano - lá me tocou os moinhos da arroja...

Estou cá com um nervoso miudinho!!!!

publicado por flordemiosotis às 22:26
link | comentar | ver comentários (6) | favorito

Férias...

Aqui ficam umas fotozitas para recordar as nossas primeiras férias (como sempre, tiro amanhã):

 

Em casa da tia-avó, que fica mesmo pertinho do monte. E desta vez nem tomou banho no alguidar das chouriças...

 

Os seus primeiros dias de praia, em baixo na companhia de duas amigas muito especiais.

 

 

E, finalmente, nos vários passeios que fomos dando.

 

(fotos removidas)

publicado por flordemiosotis às 14:51
link | comentar | ver comentários (7) | favorito
Domingo, 29 de Agosto de 2010

De regresso!

Pois! Parece que estive sem net uns tempinhos... Parece que o meu computador andava cansado e não queria abrir nada... Parece que depois aqui os papás resolveram ir de férias e não quiseram saber de nets nem de telemóveis nem de televisões...

E agora que estamos de volta, resolvi ligar o computador, com os dedos a fervilhar de tantas coisinhas para escrever, e não é que tudo funcionou bem à primeira - ehehe.

Para onde é que fomos? Para Viana do Castelo, pois claro. Este ano não deu para mais nada, que a Mi é muito pequenina e, embora goste de laréu

(ou precisamente porque gosta de laréu), não aguenta muita farra sem ficar super agitada. A viagem para lá fez-se sem incidentes, a de regresso é que nem por isso. Ela não dormia, depois fartava-se de estar no ovo, fez birras, tivemos de parar mais vezes do que é habitual, mas cá chegámos. Para além disso, o pai que já estava meio constipado, conseguiu arranjar uma febre pelo caminho, que é mesmo para ficar a gozar os últimos dias de férias na cama. À parte estes incidentes, correu tudo bem.

Aqui vão as novidades da Mi, contadas de maneira muito sucinta, algumas a que hei-de voltar, com foto e tudo, se achar que vale a pena o registo:

  • Já tem sete meses, a crescidona;
  • tornou-se hábil a agarrar pequenas migalhas com o polegar e o indicador e a levá-las à boca;
  • já dá o jeito com os braços para gatinhar, mas as pernas não fazem o que ela quer. Põe-se em posição e, se nós ajudarmos com as pernas, aí vai ela. Se não a ajudarmos, ela desembaraça-se de outra maneira: arrasta-se, literalmente, firmando as mãos em qualquer coisa, e puxando o corpo à custa de força braçal;
  • não pára quieta por muito tempo, agarra-se a nós ou a qualquer outro objecto que encontre e levanta-se. Segura-se muito bem de pé, agarrada às coisas, e até já dá uns passinhos muito desengonçados, se a agarrarmos pelos dois braços;
  • andou uma semana a abanar deliciosamente a mão a tudo, bastando para isso ouvir a palavra "adeus". Agora fartou-se e nunca mais disse;
  • começou a dizer "ma" ou "ma ma" e a experimentar uma série de outros sons, como "abô", "bu", "da", "ba ba"... Gira gira!
  • foi à praia pela primeira vez e adorou. Nunca estranhou a areia, queria era mexer nela ora com as mãos ora com os pés e ali estava entretida durante uns minutos. A primeira vez que molhou os pés, chorou (a água do norte é gelada!), mas foi a única vez em que o fez. Daí em diante, chapinhar é que é!
  • e faz uma série de outras gracinhas, que resultam em gargalhadas certas, e que nós andamos a tentar captar, para postar os momentos. Pode ser que sejam publicados muito em breve!

Fabuloso o crescimento, não é?

 

 

publicado por flordemiosotis às 10:19
link | comentar | ver comentários (10) | favorito
Domingo, 15 de Agosto de 2010

Como gente grande!

Agora é vê-la sentadinha à mesa, como gente grande. É que ontem fomos (finalmente) às compras. O pai já está de férias e a disponibilidade é outra. Já arranjámos uma estante e um roupeiro para o quarto dela, entre outras tantas coisas miúdas, e trouxemos uma cadeirinha de refeição, daquelas simples e práticas que se encaixam na mesa, que se dobram e levam para todo o lado.

Agora é vê-la toda contente, a dar à perna, a mexer na mesa e em tudo o que apanha, a apanhar migalhas com o polegar e o indicador- quando consegue - a chafurdar com as pingas de sopa que caem porque ela não pára quieta com aquela cabeça e aquelas mãos e acertar na boca é um verdadeiro teste à nossa capacidade de antecipação e destreza motora. E pronto: desde ontem que come sem sequer olhar para o prato ou tentar agarrar a colher como fazia antes porque tem toda uma nova perspectiva que a deixa muito atarefada.

(E eu tenho agora mais que limpar - mesa, cadeira e chão - mas isso são pormenores!)

publicado por flordemiosotis às 20:57
link | comentar | ver comentários (10) | favorito
Quinta-feira, 12 de Agosto de 2010

Beicinhos, birrinhas e amuos

Pois é! Parece que a gritaria que a caracterizava faz tempo - um choro zangado, soluçado e gritado alto e bom som - está finalmente a passar. Graças a Deus! A minha cabeça agradece... para passar a dar lugar a uma infinidade de beicinhos, birrinhas e amuos, gritinhos baixos, prolongados e agudos, acompanhados de um esgar de boca revirada para baixo e olhos semicerrados, enquanto abre os braços e dá às mãos para pedir o que quer. Esta semana temos assistido a estas cenas, bem divertidas por sinal, ou porque o objecto que ela agarra cai e ela não o consegue apanhar, ou porque quer ir à rua, ou porque não quer dormir, ou porque tem sono, ou porque eu saí da sala e a deixei sozinha, ou...

Nós preferimos esta versão de birra à anterior e, como está na altura de não lhe satisfazermos todos os caprichos, temos assistido a estas cenas muitas vezes por dia. E que gira que ela fica a fazer beicinho! Irresistível!

publicado por flordemiosotis às 21:50
link | comentar | ver comentários (9) | favorito
Terça-feira, 10 de Agosto de 2010

Bebé cantor

Foi hoje... agora mesmo, antes de deitar... que a Mi começou a querer imitar o que a mãe cantarola para a embalar. Ehehe... Delicioso: começa com um ai esforçado, segue-se um abrir e fechar de boca sem som, como que a experimentar os movimentos necessários à dicção correcta e depois segue-se uma série de "da...da...da...da...ada..." suaves e num tom baixinho, muito diferente do que ela utiliza para chamar ou pedir alguma coisa, que depressa dão lugar ao silêncio porque eu estou caladinha a olhar para ela embevecida, pasmada. Eu recomeço a cantoria e ela sorri de forma escancarada. Depois calo-me e é a vez dela. Fez isto umas três vezes, até eu dizer que já chegava por hoje. A hora de dormir está a tornar-se penosa para ela, arranja sempre energia nestes momentos, retirada sei lá de onde, há sempre birrinha, mas como não tem funcionado, lá vai a cachopa arranjando algumas estratégias para estar mais um bocadinho connosco, mesmo que esteja a cair de sono.

E com esta desarmou-me!

publicado por flordemiosotis às 22:49
link | comentar | ver comentários (4) | favorito
Segunda-feira, 9 de Agosto de 2010

Mas que semana!

Não houve sequer um bocadinho para aqui escrever umas coisinhas! Ou melhor, houve bocadinhos à noite, mas eu sentava-me no sofá para descansar, repor energias e ... adormecia. É que estivemos umas noite e uns dias sem pai, que ora andou a trabalhar em centros comerciais -só quando estes fechavam, por isso fora de horas - ora a muitos kilómetros de casa, em Ponte de Lima. Chegou ontem e foi uma festa! Mãe e filha morriam de saudades e o pai então nem se fala. É que ele não está de todo habituado a estar longe de casa - vem cá almoçar e lanchar (sim, é dos privilegiados que trabalha à porta), não sabia o que eram saudadinhas da Mi...

Nós andámos por aqui por casa nos dias de maior calor e nos de maior rabugice (acho que agora estão para sair os dentes de cima) e nos outros ala que se faz tarde e eu gosto muito de passear com a minha cachopa. Fartámo-nos de passear e de ver gente, caras conhecidas como as dos avós maternos (mais longe de nós, que a avó paterna vemo-la todos os dias) e algumas tias, e caras desconhecidas que a Mi observa sempre atenta a avaliar se vale a pena pedir colo. E vale sempre a pena! Até agora, à parte alguma desconfiança inicial, a rapariga não tem estranhado ninguém a ponto de se pôr a chorar ou de recusar o colo. Mas olha para mim com frequência, a verificar se eu ando por perto...

E vai de modos que é assim, ausentei-me e preguicei. Penso muitas vezes nisto e em vocês, as pessoas que me seguem e que eu gosto muito de ler. E cá estou de novo. Com novidades da Mi, fresquinhas, para ir contando aos bocadinhos...

 

 

publicado por flordemiosotis às 11:23
link | comentar | ver comentários (12) | favorito
Segunda-feira, 2 de Agosto de 2010

O prometido é devido.

Os padrinhos da Mi tinham lançado o desafio: jantareco sem crianças, mais longe de casa - tínhamos de sair de carro e arranjar ama obrigatoriamente - a quatro e sem conversas única e exclusivamente dedicadas à prole.

No sábado à noite, rumámos até Famões, até ao restaurante 7ª arte (passo a publicidade), onde comemos e bebemos à descrição, num espaço muito convidativo e alegre. O jantar foi animado por um "entertainer", por karaoke e por grupos de meninas e um de meninos que estavam prestes a deixar a despreocupada vida de solteiro. A comida estava muito boa, o ambiente animadíssimo e a companhia agradável.

Chegámos a casa de alma lavada e de pança cheia, tanto que ainda fomos ver televisão pela noite dentro (mas não experimentámos o licor, não...).

Tirando o facto de algumas conversas irem mesmo parar à rapaziada que tínhamos todos deixado com os avós, acho que prova foi superada! E que bem que nos soube, em especial a mim, que tenho tido uns dias (e noites também!) dedicados à Mi, agora tão rabugenta por causa dos dentinhos (já está outro na rua) e que não me deixa tempo para muito mais (só enquanto escrevo este post, já tive de ir ter com ela 3 vezes).

Obrigada, amigos, havemos de repetir.  

publicado por flordemiosotis às 22:26
link | comentar | ver comentários (7) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Atitudes que surpreendem!

. Da mãe...

. Da Matilde...

. Fofices!

. Ai!

. O que me fez voltar!

. Eis-me again!

. Há registos que valem sem...

. Breve

. "Paia outa vez"

.arquivos

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010